domingo, 17 de dezembro de 2017

licor amargo




Já estava cansada de tanto anúncio de perfumes, todos iguais e sem sentido para quem tem uma vida normal e não voa em traves, não faz desaparecer paredes e não pulveriza os genitais com produtos que nem são feitos para pénis, nem devem dar-lhe muita saúde...

...e eis que chega a desgraça anual do licor beirão!

Depois de achar que o licor Beirão tinha percebido que visibilidade é diferente de bom gosto, com o anúncio de natal do ano passado, eis que nos chega um segundo ano de achincalhamento do natal e do hábito de trocar presentes.



2016:


"Anda cá ó..." / 2017:

 
Provavelmente, os "criativos" que viram estas ideias aceites devem ser testemunhas de Jeová ou membros de alguma seita que odeie, como eles, a tradição social de festejar nesta altura, de partilhar momentos em família e trocar presentes.
 
Se os presentes não são o centro das festividades (ou não deviam ser), é muito reles incitar ao descarte dos mesmos ou ao presentear para consumo próprio...
 
 

Sem comentários:

Enviar um comentário